Hacker que vazou GTA 6 é condenado a prisão perpétua em hospital

Em dezembro de 2023, um tribunal do Reino Unido condenou Arion Kurtaj, de 18 anos, a prisão perpétua em hospital por tempo indeterminado.

Kurtaj foi considerado culpado de grave uso indevido de computador, chantagem e fraude, incluindo a invasão dos sistemas da Rockstar Games, produtora de GTA 6.

O ataque de Kurtaj ocorreu em setembro de 2022.

Ele invadiu os sistemas da Rockstar usando um dispositivo Amazon Fire Stick conectado a uma televisão de um hotel. Kurtaj roubou mais de 90 arquivos do jogo, incluindo imagens, vídeos e código-fonte.

Os arquivos vazados revelaram detalhes importantes sobre o jogo, como seu cenário, personagens e história.

O vazamento causou um grande impacto na Rockstar Games.

A empresa teve que adiar o lançamento do jogo e gastar milhões de dólares em medidas de segurança cibernética.

Kurtaj foi diagnosticado com transtorno de personalidade antissocial.

Ele alegou que invadiu os sistemas da Rockstar Games para chamar a atenção e porque estava chateado com a empresa por não ter lançado GTA 6 mais cedo.

A sentença de Kurtaj foi considerada controversa por alguns.

Alguns especialistas acreditam que ela é excessivamente severa, enquanto outros acreditam que é necessária para deter outros hackers.

O caso de Kurtaj é um lembrete dos perigos da segurança cibernética.

As empresas devem estar sempre atentas às ameaças e tomar medidas para proteger seus dados.

Informativo PBMAG
Fotos: Internet/Google/Divulgação

X