Qual a sua história com a fotografia em preto e branco?

Hoje contaremos a história de Andréa Luzia Machado de Andrade.

Nossa! Uau!

Minha história com a fotografia Preto e Branco começa lá na década de 70, quando meu tio Jairinho era fotógrafo, aliás o melhor fotógrafo que eu já conheci.
Tirava todas as fotos da família e tentava naquela época sobreviver de uma profissão que não tinha nenhum glamour!
Quem é da época sabe!
Hoje eu tenho uma caixa cheia dessas fotos.
Me emociono todas as vezes que vejo uma foto pb, porque me recordo e me vejo lá atrás dentro do seu laboratório que era em sua casa mesmo, e por um tempo foi na nossa casa!
Porque ele precisava de uma força!
Sinto até hoje aquele cheiro próprio dos laboratórios, e ainda consigo ver as fotos penduradas e sendo reveladas uma a uma.
    Só um minuto… Caiu um cisco aqui!
Ainda me lembro do seu entusiasmo, mas me lembro também de quando ele desistiu porque não conseguia sustentar sua família, mas deixou sua máquina guardada como uma relíquia.
Mas a maior relíquia são as lembranças que ele registrou
Todas as vezes que abro a caixa me lembro do seu sorriso e do amor que ele tinha pela fotografia!

Essa emocionante história, nos mostra que a profissão do fotógrafo nem sempre é repleta de glamour, porém seu legado permanecerá na memória daqueles que também amam a fotografia.

Créditos da foto: Tio Jairinho.

E a sua história? Qual é?


Compartilhe com a gente através do formulário abaixo:



     

    X